20 Mistérios revelados sobre Roberto Gómez Bolaños

Apesar de todas estas razões, segredos e explicações que deram os personagens de Roberto Gómez Bolaños, através de seus shows ou dele mesmo sem ser caracterizado como um, há outros mistérios que nunca saberemos

Por araguaianews em dezembro 11, 2017

As personagens que Roberto Gómez Bolaños protagonizou têm feito rir a várias gerações de jovens, adultos e crianças com seus chistes interpretados por diferentes personagens.

51. Roberto Gómez Bolaños 0.jpg

Desde de “Chaves” até “Chapolin Colorado”, o ator mexicano inundou a televisão com suas piadas. O mais maravilhoso sobre isso é que, mesmo com o passar do tempo, os episódios ainda estão sendo transmitido e causam furor! Continue lendo para saber, por exemplo, por que o programada foi chamado de Chaves!!!

Qual é a razão do seu apelido?

Qual é a razão do seu apelido?

Roberto Gómez Bolaños, nascido na Cidade do México em 21 de fevereiro de 1929, tinha um apelido singular: “Chespirito”. Bolaños era chamado assim porque era um cruzamento entre William Shakespeare, dramaturgo e poeta inglês e Chiquito, por causa da sua complexão física.

Quase morreu ao nascer

Quase morreu ao nascer

A mãe de Roberto Gómez Bolaños teve uma gravidez muito difícil. Elsa Bolaños, que daria à luz o humorista talentoso, quase perdeu o bebê depois de ingerir um medicamento contra a gripe que havia sido prescrito pelo seu irmão. Finalmente, a infelicidade foi evitada e em 21 fevereiro de 1929 nasceu Roberto.

Foi rentável em 1,7 bilhão de dólares

Foi rentável em 1,7 bilhão de dólares

Segundo os dados fornecidos pela prestigiosa revista Forbes, em 1992, quando terminou a produção de seus programas, estes foram vendidos à Televisa, que possui hoje os seus direitos. Foi 1,7 bilhões de dólares, pagos em royalties pela retransmissão dos episódios em diferentes países. No total, foram 1.300 episódios de meia hora durante 24 anos.

Inacreditavelmente foi criticado por estimular o abuso

Inacreditavelmente foi criticado por estimular o abuso

Este ator, escritor e provocador de risadas, como era o mexicano, foi criticado por estimular a violência psicológica, o machismo e o “bullying” ou abuso com seu personagem Chapolin Colorado. É por isso que, sob pressão, tentou limpar seu nome com o Chaves, que promove a prática de exercício, o respeito pelas pessoas e, especialmente, a humildade que o caracteriza.

Ele teve seu musical na Broadway

Ele teve seu musical na Broadway

Apesar de ter morrido em 2014, sua arte continuou em forma de musical. Uma obra na famosa rua Broadway foi feita com o material que ele havia escrito. O título da apresentação foi “Queen Mother (Rainha Mãe). Antes de realizá-la foram feitas leituras particulares da obra que foi supervisionada por Florinda Meza.

Familiares famosos

Familiares famosos

Seu pai, Francisco Gómez Linares é retratista famoso de políticos e suas famílias ou famílias internacionais como Warren Harding cujas obras estão expostas no Hotel Gunter no Texas, Estados Unidos. Além disso, Chespirito é sobrinho de Gustavo Díaz Ordaz, que foi presidente do México de 1964 a 1970.

Ele inspirou Os Simpsons

Ele inspirou Os Simpsons

A famosa série do Chapolin Colorado inspirou outra grande série tão grande como a mencionada. Foi vital para o cartunista Matt Groening dos Simpsons. O criador da famosa família amarela se apoiou no personagem de Bolanos para criar o homem abelha de Os Simpsons. Uma espécie de herói, o homem e abelha que tem expressões mexicanas como “Ay Chihuahua“.

Os pais de Chaves

Os pais de Chaves

O criador do personagem teve o cuidado de dissipar algumas perguntas que se referem aos seus pais. Em 1995, ele respondeu a essa pergunta no livro O Diário de Chaves. Segundo conta o livro, Chaves nunca conheceu seu pai, mas sim a sua mãe. Quando ela ia trabalhar o deixava em uma creche até que um dia ele foi enviado para o orfanato.

Um arquiteto frustrado

Um arquiteto frustrado

Roberto Gómez Bolaños deixou a Universidade Nacional Autônoma do México como arquiteto, mas dados os seus talentos artísticos, nunca atuou como tal. E menos mal que não tenha se decidido por este caminho, porque a sociedade teria perdido um dos melhores comediantes de todos os tempos.

Beethoven inspirou sua música de abertura

Beethoven inspirou sua música de abertura

O que é o tema principal da entrada de outro personagem histórico de Bolanos, Chavesfoi inspirada por Ludwig Van Beethoven. Ainda que não tenha sido diretamente criada por ele, a canção se chama O elefante nunca esquece, do compositor eletrônico Jacques Perreyque se inspirou no alemão porque sua versão é um plágio de A marcha turca de 1811.

O verdadeiro Chapolin Colorado

O verdadeiro Chapolin Colorado

Quem lutava contra a injustiça no personagem de Chapolin Colorado com o famoso martelo chamado Marreta Biônica tinha algumas qualidades de combate que t Roberto Bolaños inham adquiridoainda jovem quando seus personagens não são vislumbradas. No primeiro ano do ensino médio foi vice-campeão de o e no segundo ano foi campeão.

Ele não pode finalizar o “Chapolin em 3D”

Ele não pode finalizar o “Chapolin em 3D”

Por motivos de tempo e o falecimento posterior, ele deixou inacabado o filme de animação que iria estrear com o nome de “O Chapolín en 3D“. O roteiro em si foi concluído pelo criador do personagem, mas ele nunca o pode ver nem mesmo pré-produzido como está atualmente sob a direção de seu filho Roberto Fernández.

Criativo desde a infância

Criativo desde a infância

Com seu tio, ele construiu um trem em escala que funcionava a vapor. Ele era um engenheiro mecânico e elétrico da cidade de Guadalajara. Embora não tenha se formado, ele estudou engenharia na Universidade Nacional Autônoma do México. Sem dúvida, ele influenciou sua infância que se tornaria parte de sua vida, um inventor real do riso.

Ele escreveu contra o aborto

Ele escreveu contra o aborto

No Festival OTI foi ouvida pela primeira vez a canção contra o aborto que ele escreveu e se chamou Nacer. Interpretada por la cantora Dulce, mas gravada por Florinda Meza, decolou no mundo da música. O mesmo tema foi usado no filme El Chanfle em 1979.

Roberto Gómez Bolaños foi o autor musical

Roberto Gómez Bolaños foi o autor musical

A letra e a música do tema Tengo todo contigo, da novela La Dueña, foi criada por Gómez Bolaños e foi dirigida por seu filho, Roberto Gómez Fernández em 1995. Além disso, foi produzida por sua esposa Florinda Meza e protagonizada pela primeira-dama do México, Angélica Rivera.

A sua opinião sobre seus personagens

A sua opinião sobre seus personagens

Para Chespirito, sua personagem mais importante foi o Chaves, uma vez que não era um programa para crianças, mas para toda a família. Na verdade, ainda hoje, está sendotransmitindo depois de décadas de sua conclusão. Enquanto o Chapolin Colorado era um verdadeiro super-herói que vencia seus medos em cada programa.

Não era escritor

Não era escritor

Sua formação acadêmica percorreu um caminho muito afastado da escrita. Ele estudou engenharia e foi um boxeador amador durante o ensino médio. Seu primeiro contato com o mundo da televisão aconteceu quando ele foi solicitar o seu primeiro emprego em uma agência de publicidade. Lá, ele foi produtor de rádio e televisão e quando houve necessidade de um escritor ele concordou sem saber ainda como usar uma máquina de escrever.

Sua chegada na vizinhança

Sua chegada na vizinhança

Outra explicação dada pelo famoso diário do Chaves publicado por seu criador em 1995 foi sua chegada na vizinhança. Depois de não ser apanhado no orfanato por sua mãe, uma idosa que vivia na casa 8 da vizinhança lhe dá abrigo. É aí que nasceu seu personagem na vizinhança.

Booooom no Twitter!

Booooom no Twitter!

Quando o nascido na Cidade do México lançou sua conta na rede social Twitter, alcançou 230 mil seguidores em seu primeiro dia. O primeiro tweet enviado foi : “Olá, eu sou Chespirito.” Tenho 82 anos e esta é a primeira vez que eu twitto, estou estreando. Sigam-me os bons!“. Com a frase característica de Chapolin Colorado cativou milhões de pessoas em todo o mundo. Sua conta chegou a ter 600 mil usuários que a apoiaram.

Suas parceiras

Suas parceiras

Roberto Gómez Bolaños teve como primeira esposa Graciela Fernández, com quem teve seis filhos. Em seguida, ele se casou com Florinda Meza, a famosa Dona Florinda da vizinhança do Chaves. Em 2004 realizou seu casamento depois de anos de relacionamento. Ela revelou que após a morte do seu marido ficou muito zangado com Deus.

Ele não teve sucesso no início

Ele não teve sucesso no início

Ele não foi tocado pela varinha mágica, em 1968 escreveu a primeira série na qual ele também atuou. Foi chamada El Ciudadano Gomez e tratava de um homem que perdeu a memória. Episódios não tiveram um alcance enorme e a série foi interrompida no capítulo 13. E mais tarde, na década de 80, retomaria o personagem.

O primeiro capítulo do Chaves

O primeiro capítulo do Chaves

Em 20 de junho de 1971 mudou para sempre as tardes dos mexicanos e ao redor do mundo, quando aparece o Chaves. Este capítulo conseguiu ser exibida na Grécia, Japão, Coreia, Tailândia e Marrocos. Esta série de sucesso conseguiu atingir um pico de audiência média de 350 milhões de pessoas por semana.

Quando seus personagens nasceram?

Quando seus personagens nasceram?

De 1968 a 1971 foi exibida a série Os Super Gênios da Mesa Quadrada. Gómez Bolaños apareceu caracterizado como Dr. Chespirito Chapatín, um personagem respondendo cartas de telespectadores, mas de maneira absurda. Dessa atuação e junto com María Antonieta de las Nieves, Ramón Valdes e Rubén Aguirre, nasceu o personagem do Chapolin Colorado.

Pelé cruzou o seu caminho

Pelé cruzou o seu caminho

Roberto Gómez Bolaños cruzou com um dos atletas mais famosos da história, o brasileiro Pelé .O jogador de futebol do Santos lhe propôs por telefone levar a série “Chaves” para a tela grande.Naquele momento, o mexicano não estava perfeitamente de acordo e rejeitou a proposta da estrela do futebol. Mais tarde faria.

Como foi se desintegrando o famoso elenco

Como foi se desintegrando o famoso elenco

Em 1988 morreu Ramón Valdés, que fazia Don Ramón A Bruxa do 71, que foi interpretada por Angelines Fernández deixou este mundo em 1994 ao mesmo tempo que Raul Chato Padilla . Em 1973, María Antonieta de las Nieves decidiu deixar o elenco para conduzir seu próprio programa Pampa Pipitzin, que não fez muito sucesso.

Uma alta média de audiência

Uma alta média de audiência

Se você somar todas as pessoas do mundo que a viram, isso dá uma diária de 91 milhões de pessoas. Uma das duas séries mais reconhecidas, o Chaves, tem uma média de 91 milhões de espectadores diários se você considerar todos os lugares onde ela é transmitido e as 50 línguas em que foi traduzida.

As famílias dos integrantes da vizinhança

58. Renov Chespirito 17.jpg

Kico é outro personagem da vizinhança que não tem pai. Em um dos capítulos da série, Dona Florinda confidencia ao Professor Jirafales que é uma viúva e seu marido, que se chamava Federico, morreu quando o navio onde trabalhava afundou. Chiquinha tem como pai Don Ramón, mas sua mãe morreu quando ela deu à luz.

Suas peças de teatro foram três.

Suas peças de teatro foram três.

A primeira obra que escreveu foi em 1967 e se chamou Silêncio, Câmera, Ação! com os comediantes Viruta e Capulina. Seu segundo trabalho, que viria mais tarde, em 1984,o qual foi uma versão livre da história de Pinóquio e se chamou El Títere. Era um musical onde ele dançava e cantava interpretando o boneco, já com 50 anos de idade. A última se chamou 11 e 12 e permaneceu 7 anos em cartaz.

O final que não aconteceu

O final que não aconteceu

Chespirito confessou que teve a ideia de que Chaves tivesse um final trágico ao ser atropelado por tentar salvar uma criança. Isso poderia ter leituras ambíguas, a primeira é que ele dava tudo pelos outros, e a segunda foi a que impediu o plano. Sua filha, psicóloga advertiu que isso poderia gerar nas crianças a tentação do suicídio.

Tem moedas próprias

Tem moedas próprias

São pucos os grandes atores no mundo que podem se vangloriar de terem o seu próprio dinheiro, COM SUA FACE! Em 2013, por uma iniciativa da Casa da Moeda do México, foram fabricadas nove moedas comemorativas de prata e edição limitada do Chaves.

Homenagens

Homenagens

Em 2000, a Televisa fez-lhe uma homenagem com um programa chamado “Náo contavam com a minha astúcia!, para o 30º aniversário do primeiro programa Chaves. Os agradecimentos não pararam de chegar e em Novembro de 2013, ele recebeu o Prêmio Ondas Iberoamericano pela carreira de maior destaque na televisão.

A razão para o nome do seu show!

A razão para o nome do seu show!

O motivo de por quê a série foi chamada Chaves era um mistério e continua sendo para muitos até hoje. O fato é que era transmitida pelo canal 8 do México às 8 da noite. Essa foi a principal razão. Logo, ao mudar para o canal 10, Bolanos justificou o “8” como referência ao departamento número 8 da vizinhança onde ele morava e que nunca foi mostrada, a sua única casa era o famoso barril.

Por Chiquinha?

Por Chiquinha?

Um dos personagens criados por ele foi Chiquinha, foi interpretada por María Antonieta de las Nieves. A razão para seu nome tem origem dn definição real. Chiquinha é um tipo de pão no México que tem diferentes pontos ou cores. Como o personagem Nieves tinha muitas sardas, está aí a razão para o seu nome.

Seu pensamento sobre a morte

Seu pensamento sobre a morte

Em 2010, Bolaños já tinha certas doenças que o afligiam, mas mantinha uma atitude positiva como a que fez brilhar na televisão. “A morte não me preocupa.” Só me deixa curioso. Ela chega para todos. “Penso nela todos os dias“, declarou aos 81 anos. Ele acrescentou: “É o grande mistério, saber o que vai acontecer. Me angústia, mas não muito, acho que nada terrível acontece “.

A rua com o seu nome

A rua com o seu nome

A rua que leva aos principais estúdios de cadeia mexicana Televisa foi renomeada com o seu nome. Nessa mesma rua se encontram os seus restos mortais em um altar. Ao mesmo tempo, outra rua no estado mexicano de Durango, onde há uma colônia muito humilde, leva o nome de Roberto Gómez Bolaños.

Sua família depois de sua morte

Sua família depois de sua morte

O ator não deixou tudo ao acaso, mas foi muito aberto sobre o seu futuro falecimento e o que aconteceria com seus parentes mais próximos. “É impossível saber o que vai acontecer com eles, eu só lhes disse que oxalá seguissem atuando bem. Eu não serei responsável pelo que acontece com eles depois da minha morte”.

A missa na Televisa

A missa na Televisa

Depois que sua morte foi anunciada, em 28 de novembro de 2014 quando estava em sua casa em Cancún, no México, foi levado em voo privado para Televisa San Angel, onde todas as suas criações tinham ganhado vida. Lá, foi realizada uma grande missa privada para a família e as pessoas mais próximas.

Sua obsessão com o “CH”

Sua obsessão com o “CH”

Vários nomes que ele escolheu durante toda a sua vida tinham estas duas letras juntas, o C e o HDe seu pseudônimo (Chespirito) para personagens que desempenhou e deu vida (Chaparrón Bonaparte, Dr. Chapatín, Chimoltrufa, Chiquinha, Chapolin Colorado, Chaves e Chómpiras). Os filmes que ele criou também não ficaram para trás: El Chanfle, El Charrito e o repórter Vicente Chambón. Finalmente, os termos que utilizava: Chanfle, Chiripioca, Chipote ChillonPastillas deChiquitolina Chicharra Paralizadora.

Qual era a vizinhança?

Qual era a vizinhança?

Embora não tenha sido uma afirmação do próprio Roberto Gómez Bolaños, críticos e analistas de mídia concordam que o sucesso da vizinhança do Chaves reside em que ela é uma representação da América Latina. Que seus personagens com carências e contrastes entre eles era uma discussão sobre a consciência de classe e não apenas um cenário cômico.

Mistérios

Mistérios

Apesar de todas estas razões, segredos e explicações que deram os personagens de Roberto Gómez Bolaños, através de seus shows ou dele mesmo sem ser caracterizado como um, há outros mistérios que nunca saberemos, tais como: Qual foi o verdadeiro nome do Chaves; Por que Chapolin Colorado? Que trazia em sua bolsa o Dr. Chapatín.

 

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *