728X90

Comissão de Saúde analisa que MT pode ter chegado ao início da descida da curva epidêmica de Covid

Por araguaianews em agosto 17, 2020

Em breve, Mato Grosso deve iniciar a redução da curva de contaminação

A Comissão de Saúde, Previdência e Assistência Social da Assembleia Legislativa de Mato Grosso analisou, nesta segunda-feira (17), o avanço do novo coronavírus (Covid-19) em Mato Grosso. Levantamento apresentado pelo deputado estadual e médico sanitarista, Lúdio Cabral (PT), aponta que o estado pode ter atingido o “platô” – quando os novos casos chegam a um patamar estável – e, em breve, iniciará a redução da curva de contaminação.
“É muito provável que nós já estejamos na descida da curva epidêmica, embora mantenhamos um número alto de casos novos todos os dias e grande demanda por leitos de UTI, felizmente sem fila de espera. Há muitas semanas eu estava esperando por números que trouxessem esse cenário”, disse.
O parlamentar também destacou a redução do número de óbitos registrados diariamente – de 37 para menos de 30 – e apontou como prováveis explicações para isso a atualização atrasada das notificações e os resultados tardios de testes positivos, quando o paciente já se encontra na segunda semana de infecção ou até mesmo após a conclusão do ciclo.
Apesar disso, alertou para os riscos de retomar as atividades escolares presenciais e considerou precipitado o decreto do governo do estado que restabelece a jornada de trabalho de oito horas diárias para todos os servidores públicos estaduais.
O presidente da Comissão de Saúde, deputado Dr. Eugênio (PSB), parabenizou Lúdio Cabral pelos trabalhos e agradeceu ao parlamentar pela contribuição dada à comissão com a elaboração de suas análises e projeções durante a pandemia. “Seus estudos têm engrandecido muito a nossa comissão. Se o governo tivesse escutado mais a Comissão de Saúde e os números levantados por você desde o inicio, talvez pudéssemos ter poupado muitas vidas. Agradeço mais uma vez por esse trabalho que você vem prestando ao povo mato-grossense”.
Repúdio – Dr. Eugênio aproveitou a oportunidade para manifestar repúdio às declarações feitas no último fim de semana pelo deputado federal Nelson Barbudo (PSL) acerca do bispo emérito da Prelazia de São Félix do Araguaia, Dom Pedro Casaldáliga, falecido aos 92 anos no último dia 08 de agosto.
“Podemos gostar ou não da ideologia do Dom Pedro. É um direito nosso, mas a forma como foi colocada a opinião do deputado agrediu todos nós do Araguaia, agrediu toda a comunidade católica de Mato Grosso e acredito que todos os cristãos se sentiram agredidos pela forma covarde como ele falou. Esse deputado está em um ostracismo político tão grande que usou desse artifício para ganhar notoriedade. Fica aqui o meu repúdio e a minha indignação como representante do vale do Araguaia a esse parlamentar e espero que a Assembleia Legislativa e os sete deputados federais de Mato Grosso se unam em um coro único contra esse cidadão que diz representar o Vale do Araguaia”, declarou.
Os deputados Lúdio Cabral e Dr. Gimenez (PV) reforçaram as críticas a Nelson Barbudo e apoiaram a apresentação de moção de repúdio contra o parlamentar.  “Dá vontade de vomitar e nem tratar desse tipo de assunto, mas não podemos nos silenciar diante do tamanho da agressão. Pedro Casaldáliga era um símbolo, tinha uma mente que conseguia explicitar as contradições e desigualdade do nosso mundo e não merece ser atacado depois de morto de uma forma tão covarde por um deputado federal”, afirmou Lúdio.
“Essa moção de repúdio tem o meu apoio. Precisamos lembrar que não foi tanto o tamanho, mas a qualidade da agressão vinda de um representante de Mato Grosso. Ofendeu toda a comunidade católica. Dom Pedro não merece isso”, frisou Dr. Gimenez.
Foram aprovados pareceres favoráveis aos seguintes projetos de lei:

557/2020 – Institui a Política Estadual de Controle e Eliminação da Tuberculose no Estado de Mato Grosso. Autor: Deputado Dr. João.

530/2020 – Cria o Programa Emergencial de Testagem para o COVID-19 em Modalidade “drive thru” e dá outras providências. Autor: Deputado Faissal.

249/2020 – Dispõe sobre a renovação das receitas de medicamentos de uso continuo em casos de calamidade publica ou quarentena nos moldes do Decreto nº 432, de 31 de março de 2020 (recebeu o apensamento do PL 374/2020). Autor: Deputado Nininho.

388/2019 – Acrescenta o § 4º e o § 5º ao art. 2º da Lei nº 11.110, de 22 de abril de 2020, que dispõe sobre a obrigatoriedade do uso de máscaras como medida não farmacológica para evitar a disseminação do novo coronavírus (covid-19) no âmbito do Estado de Mato Grosso, e dá outras providências (recebeu apensamento do projeto de lei nº 449/2019 e do projeto de lei nº 179/2020). Autor: Deputado Wilson Santos

545/2020 – Assegura acesso a ambiente digital nas enfermarias e em espaços de tratamento da Pandemia de Covid-19, e dá outras providências (recebeu apensamento do PL nº 561/2020). Autor: Deputado Eduardo Botelho.

624/2020 – Dispõe sobre a divulgação de campanhas de incentivo ao cadastro de doadores de medula óssea, nas salas de cinemas antes de cada filme ou sessão no Estado de Mato Grosso. Autor: Deputado João Batista.

A reunião foi intermediada pela servidora do Núcleo Social Mônica Lobo Curvo.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *