25.7 C
Alto Araguaia
segunda-feira - 22 abril - 2024
HomeBrasilBrasil abre, em média, 12 empresas por minuto no primeiro semestre

Brasil abre, em média, 12 empresas por minuto no primeiro semestre

Dos mais de 2,1 milhões de novas companhias, 71,7% integram o setor de serviços, mostra Serasa Experian

O Brasil criou 2.117.073 novas empresas nos primeiros seis meses de 2023, uma média de 12 empreendimentos por minuto, mostram dados revelados pelo Indicador de Nascimento de Empresas da Serasa Experian.

O total de novas empresas representa uma alta de 2,5% na comparação com o mesmo período do ano anterior. O destaque do período é o ramo de serviços, com 71,7% das novas empresas (mais de 1,5 milhão) e crescimento de 5,8% em relação ao período de janeiro a junho de 2022. O comércio (20,8%) e a indústria (6,3%) completam a relação.

De acordo com o levantamento, o segmento de serviços de alimentação, que engloba atividades como bares, restaurantes, lanchonetes e food trucks, foi o que mais registrou aberturas no período, com 140.808 novos empreendimentos.

Na análise por natureza jurídica, os MEIs (microempreendedores individuais) lideraram a participação com o maior número de empreendimentos abertos no semestre (77%), seguidos por sociedades limitadas (18,3%). O ranking continua com empresa individual (2,6%) e demais (2,1%).

Regiões

No primeiro semestre de 2023, o ranking das regiões foi liderado pelo Sudeste, que registrou a criação de 1.071.737 empresas. Em seguida ficou o Sul, com 402.256 novos empreendimentos, depois o Nordeste, com 334,580, o Centro-Oeste, com 201.984, e o Norte, com 106.516.

Na visão por unidades federativas, o estado de São Paulo se destacou com o maior número de negócios inéditos, e o Amapá, com o menor. O comparativo anual revelou que Mato Grosso marcou o maior crescimento.

OUTRAS NOTÍCIAS