728X90

Com lideranças dos 4 cantos do Estado, Juarez lança em Sinop sua pré-candidatura

Nas contas do próprio candidato, seu projeto de reeleição conta com o apoio de bases políticas conquistadas em 115 municípios

Por araguaianews em julho 24, 2022
Nas contas do próprio candidato, seu projeto de reeleição conta com o apoio de bases políticas conquistadas em 115 municípios

Parecia uma dessas confraternizações de firma, em que os diversos gerentes das filias viajam até a cidade sede da empresa para ouvir e se relacionar com o presidente da companhia. Esse foi o tom do evento político realizado em Sinop, na noite desta sexta-feira (22), para lançar a pré-candidatura de Juarez Costa (MDB), a deputado federal. Apesar do evento ser em Sinop, menos de 5% dos presentes era do município. A massa do público veio de outras cidades. Teve gente que viajou mais de mil quilômetros para se fazer presente. Até o prefeito de Araguainha – menor município de Mato Grosso, com cerca de mil habitantes – veio brindar o deputado.

Nas contas do próprio candidato, seu projeto de reeleição conta com o apoio de bases políticas conquistadas em 115 municípios de Mato Grosso. São 52 prefeitos apoiando a candidatura de Juarez. Nas demais cidades, são vereadores, secretários ou ex-gestores que renderam apoio ao deputado na eleição de 2022.

Subiram no palanque da reeleição de Juarez, figurões da política. Os deputados estaduais Silvano Amaral (MDB), Nininho (PSD), Dilmar Dal’Bosco (União Brasil), e Janaina Riva (MDB), discursaram em favor da recondução de Juarez para Câmara Federal. “Eu não me esforço para pedir voto para o Juarez. Estou convencida que é o deputado que mais fez pelo Estado”, disse Janaina. “É um político municipalista, que coloca o pé na estrada, conhece a necessidade dos municípios e tem vocação para fazer isso”, arguiu Nininho. “Fez e vai continuar fazendo um trabalho exemplar”, resumiu Dilmar.

Entre os “grandes”, a fala mais enfática veio de Silvano Amaral, que foi secretário durante a gestão Juarez Costa em Sinop, é um antigo aliado político do deputado, teve sua candidatura a deputado estadual embalada pela máquina de campanha do ex-prefeito e se tornou um dos destaques do Governo de Mauro Mendes, a frente da Secretaria de Agricultura. “Precisamos lutar pela política moderna, deixar para traz aquela política do tapinha nas costas que há cada 4 anos renova as promessas não cumpridas. Podemos aproveitar o momento para não deixar a velha política voltar… Juarez tem mostrado como se faz a nova política, com compromisso. É da sua essência, do seu sangue o processo municipalista. Juarez fez a entrega do resultado e merece ser reeleito”, defendeu Silvano.

Ao longo de todo evento prefeitos e vereadores de outras cidades renderam agradecimentos a Juarez. Municípios longe do domicilio eleitoral do deputado agora integram sua base. Pelos discursos ficou claro que Juarez conseguiu arrecadar o espólio político do deputado federal  Neri Geller e do senador Carlos Fávaro – seus atuais aliados. Uma parte considerável dos prefeitos presentes tem ligação política com essas duas lideranças, e acabaram se relacionando com Juarez a partir delas.

Os discursos desses prefeitos e vereadores do interior tiveram um tom só: Juarez falou que ia mandar recurso e mandou. Ao longo de todo evento lideranças deram depoimentos agradecendo por terem recebido maquinários, pelas verbas para pavimentação asfáltica, para saúde, para merenda e até para folha de pagamento da prefeitura. “Quando eu fui até o gabinete do Juarez para pedir ajuda pra comprar maquinário para prefeitura me chamara de louco. Eu respondi: louco é o deputado que não teve nenhum voto em Pontal do Araguaia e mandou R$ 6 milhões”, discursou Aldecino Francisco Lopo, prefeito de Pontal do Araguaia.

Esses recursos, que as lideranças municipais louvaram Juarez por fazer chegar, pelo menos deles, são oriundos das emendas parlamentar – uma porção do orçamento público federal em que o deputado determina a destinação. É o tal do “Orçamento Secreto”, que no ano de 2021 deu à Câmara Federal o poder de escolher onde R$ 16 bilhões seriam gastos. No evento, o orçamento secreto não teve segredo algum. Tanto as lideranças políticas dos municípios como o próprio deputado listavam contentes cada obra ou equipamento que foi destinado através das emendas.

Juarez mesmo quase não falou das suas metas e ambições para o próximo mandato. Em sua fala, que teve mais de uma hora de duração, o deputado citou nominalmente vários prefeitos e vereadores, relembrando de histórias de recursos destinados para uma necessidade do município ou os desafios e descréditos para executar uma obra. Tal qual um presidente de uma empresa comemorando as metas batidas com seus gerentes de filial, Juarez celebrava a realização de obras ou a compra de um maquinário para o município – do mesmo jeito que fazia quando era prefeito de Sinop.

Ao longo desses 3 anos e meio de mandato, Juarez fez chegar aos municípios R$ 688.098.761,81. É praticamente o orçamento total de Sinop em um ano. Um bom volume, R$ 414,7 milhões, foram via Estado – o que mostra que além das suas emendas, o deputado faz um papel de articulação. Das suas emendas individuais foram R$ 72,4 milhões apenas. Mas Juarez conseguiu engordar a conta com emendas coletivas (parte delas com Neri e Fávaro como parceiros), que somaram R$ 124,5 milhões. Ainda tiveram R$ 20 milhões de emenda do relator.

Fonte: GC Notícias

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *