728X90

Em cinco meses, MT registra mais 140 mil eleitores aptos a votar

Conforme levantamento, as Eleições Gerais de 2022 devem contar com a participação de 2.389.362 eleitores no estado.

Por araguaianews em junho 3, 2022

etitulo.jpg

Após recorrentes campanhas de incentivo da Justiça Eleitoral para emissão e regularização do título de eleitor, Mato Grosso registrou crescimento considerável em seu eleitorado. Apenas entre janeiro e maio deste ano, mês limite para registro, o estado contabilizou mais de 140 mil novos eleitores aptos a votar, o que aponta para um crescimento de 6,2%, conforme dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). 

Conforme levantamento divulgado nesta sexta-feira (03.06), as Eleições Gerais de 2022 devem contar com a participação de 2.389.362 eleitores em Mato Grosso. Esta é a quantidade atual de eleitores aptos ao voto no estado. Já o número de títulos cancelados é de 263.225, pelos motivos de não comparecimento a três pleitos seguidos e ausência de revisão biométrica.

Este número ainda será maior. Isso porque atual quantitativo de títulos cancelados sofrerá modificação em breve, visto que, segundo decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), eleitores de 53 municípios mato-grossenses que tiveram o título cancelado por ausência a revisão com coleta de dados biométricos terão a inscrição regularizada temporariamente e poderão votar no pleito deste ano.

O número de títulos cancelados reduziu consideravelmente com a realização da campanha de fechamento de cadastro feita pelo Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT). Somente no dia em que o cadastro foi fechado, 04 de maio, foram realizados mais de 42 mil atendimentos. Em março deste ano, por exemplo, 367.066 pessoas estavam com a situação irregular perante a Justiça Eleitoral. Em comparação com o número atual de títulos cancelados, a redução foi de 28%.

Segundo o presidente do TRE-MT, desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha, foram abertas diversas frentes de atendimento ao eleitor, por meio de mutirões e postos de atendimento em parceria com instituições, a fim de assegurar o direito ao voto toda a população. Como parceiros, ele destacou os Poderes Executivo, Legislativo, Judiciário, operadora de telefonia, Câmaras Municipais, veículos de comunicação e empresa de saneamento.

“A Justiça Eleitoral realizou um trabalho eficaz, por meio de seus magistrados, servidores, colaboradores e parceiros, aos quais registro meu agradecimento. Levamos o atendimento até comunidades mais afastadas da Baixada Cuiabana com a Justiça Eleitoral Móvel e intensificamos os atendimentos realizados nos postos fixos. Contamos, acima de tudo, com a participação dos cidadãos, infelizmente não foram todos a despertarem essa consciência, mas tivemos um bom resultado”.

Fonte: www.pnbonline.com.br

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *