28.8 C
Alto Araguaia
segunda-feira - 22 abril - 2024
HomeMato GrossoSetor de máquinas agrícolas deve crescer 22% até 2026 e desafio é...

Setor de máquinas agrícolas deve crescer 22% até 2026 e desafio é formar mais profissionais

O aquecimento do setor oportuniza a expansão de formação profissional

Conteúdo/ODOC – O setor de máquinas agrícolas deve crescer 22% até 2026, o que significa dizer que, a venda de unidades pode saltar de 71 mil em 2023 para 86,4 mi em três anos. O aquecimento do setor oportuniza a expansão de formação profissional.

Para atender a demanda, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de Mato Grosso (Senai MT) expande a oferta de cursos de manutenção de máquinas agrícolas em parceria com grandes marcas como a Case IH no estado. Somente em Barra do Bugres serão ofertadas mais de 1100 vagas, distribuídas entre concessionários, produtores rurais e comunidade em geral

O presidente do Sistema Federação das Indústrias de Mato Grosso (Sistema Fiemt), Silvio Rangel, é da região e pontua que o setor da agroindústria demanda pessoas cada vez mais capacitadas para trabalharem com as novas tecnologias.

“Será muito importante para a região pela necessidade em ter mão de obra preparada para atender às indústrias. Os equipamentos têm cada vez mais tecnologia, inovação e a gente precisa preparar as pessoas para que a agroindústria alcance todo o seu potencial”, aponta Silvio.

De acordo com a projeção feita pela Redirection International, consultoria especializada em fusões, aquisições e desenvolvimento corporativo, a demanda por alimentos, o aumento da rentabilidade e da inovação no campo, a escassez de mão-de-obra e a expansão da agricultura de precisão e da mecanização são os principais fatores que devem impulsionar o setor de máquinas agrícolas nos próximos anos.

“Estou muito orgulhoso de estar aqui hoje disparando essa parceria, que há alguns meses nós lançamos em Sorocaba e já começamos em Rondonópolis, Lucas do Rio Verde. Para nós é muito importante ter a formação profissional para a população da região”, reforça o diretor regional do Senai MT, Carlos Braguini.

Serão ofertados cursos como colhedora de cana, trator, agricultura de precisão, aprendizagem técnica, introdução técnica, mecânico agrícola módulo nivelador e especialista em tratores, colhedoras de cana e agricultura de precisão.

“Nós temos como ponto crucial essa oportunidade de parceria com o Senai porque é uma forma de levar o conhecimento lá na ponta pra quem está precisando receber esse aperfeiçoamento para quem está na ativa. Essa base tecnológica é importante para a indústria, para a comunidade de Mato Grosso”, aponta o gerente de Serviços da Case IH Brasil, Ricardo Almeida.

Fonte: O documento

OUTRAS NOTÍCIAS